//
you're reading...
Salvador

Salvador | Dia a dia #2 | Como fazer um documentário na França

Não havia muita gente na sessão quando a história de 5-7 rue Corbeau começa a ser exibida. Aos poucos, as pessoas vão chegando e contam que uma manifestação deixou o trânsito parado por mais de meia hora, provocando engarrafamento para todo lado de Salvador. Embora acanhado, o público participa com atenção do bate-papo com o diretor Thomas Pendzel.

Segunda sessão, Moro na Tiradentes. Ao mesmo tempo que o público via o filme de Henri Gervaiseau e Cláudia Mesquita, Pendzel dava um depoimento para um documentário feito por Marina Torreões e Manuela Iglesias. A filmagem é feita no teatro de arena do SESC Pelourinho e toma quase uma hora de trabalho. Em pauta, como fazer um documentário na França, onde as diretoras filmaram até o mês passado.

Anúncios

Discussão

Nenhum comentário ainda.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s